Loading...

sábado, 26 de novembro de 2011

...conhecer a vós mesmos...


“Jesus disse: ‘Se aqueles que vos guiam disserem, ‘Olhem, o reino está no céu’, então, os pássaros do céu vos precederão, se vos disserem que está no mar, então os peixes vos precederão. Pois bem, o reino está dentro de vós, e também em vosso exterior. Quando conseguirdes conhecer a vós mesmos, então sereis conhecidos e compreendereis que sois filhos do Pai vivo. Mas se não vos conhecerdes, vivereis na pobreza e sereis essa pobreza.’”
O evangelho de Tomé 


Qual opinião prevalece,a sua??? da Mídia????do poder vigente??? as noticias que nos são passadas são as que "eles" querem que saibamos, somos manipulados por informações e noticias "trabalhadas", "meias verdades",realidade maquiada.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Quando essa tristeza nos surpreende, colocamos nomes nela, preenchemos esse abismo que somos com nossas desilusões, e nem percebemos que essa procura por alguém, passa primeiro por nós. Quem somos...quem...colocamos nomes, rótulos, e em nossa cegueira deixamos de ver que primeiro temos que saber de nós para podermos nos apresentar ao outro. 

Ainda não descobri porque tenho tanta fé no ser humano!
Porque ainda acredito que deve existir alguma pessoa que pense que a sinceridade, o carinho, o cuidado, enfim que o amor se sobreponha a tudo,
Não entendo tantos jogos, manipulações, mentiras, grandes e pequenas, isso cansa tanto!!! Cansa quem mente e cansa quem escuta a mentira.
Meu pai, de quem tenho muitas saudades, e que não era santo, dizia que ser malandro dava muito mais   trabalho do que ser honesto. E isso é uma verdade relativa, uma mentirinha leva a outras para justificar a primeira e por ai vai, cansando a todos.

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Amar sem saber exatamente o que vai acontecer, amanhã, daqui a meia hora...sem apegos, sem temporalidade...sem saber se te amam, sem querer saber. Ainda  amo, sem tempo, sem data, sem expectativas, simplesmente amo.
Ainda insisto e persisto em acreditar, e amar, e mesmo com os desacertos, não perder a essência disso tudo. Sim, é difícil, estamos sempre precisando de carinho, de afeto mas temos que aprender a não sofrer quando a fonte desses sentimentos seca, afinal, afeto tem que nascer livre e se não for assim, é melhor abrir os braços e deixar ir embora.
 È ai que sabemos se é amor, quando ainda olhamos para dentro de nós e o coração apesar da dor ainda pulsa

domingo, 6 de novembro de 2011

Que idade eu tenho? Pra falar a verdade varia muito. Tem dias que eu tenho 5. É quando eu fico boba, faço perguntas idiotas e fico rindo por tudo. Tem outros que eu tenho 16. Me dá vontade de fazer tudo o que eu quero, na hora que eu quero, e porque eu quero. Foda-se. Em alguns, eu tenho 30. Sei lá, dá uma vontade de ser responsável pelo menos por um segundo. E também tem uns dias que eu tenho 98. É quando eu passo o dia todo deitada na cama, com a maior preguiça do mundo. Só respiro porque, né?
Então agora me diga. Você ainda vai ter coragem de julgar alguém pela idade?

sábado, 5 de novembro de 2011

Tempo



‎"Hoje o tempo escorre das nossas mãos..."

Tempo presente tão difícil de aproveita-lo integralmente, até quando seremos passageiros do ontem e do amanhã?

Dias de não sei...

Tem dias que não sei...as vezes muitos, um não sei de tudo que escapa, sem explicações ou justificações. Parece que a alma tá procurando uma razão para estar aqui...parece uma pausa de vida, um buraco negro. 
Pode ser que isso surja quando fazemos uma faxina de emoções, de sentimentos que faziam a alma se oprimir, e de repente, lá, naquele espaço antes preenchido por esperas, por anseios de palavras que nunca foram ditas, agora está vazio, ou melhor voltou a ficar como era antes, um lugar lindo, onde só pode ser preenchido por mim mesma, pelo meu amor, a mim mesma.

domingo, 30 de outubro de 2011



Dizem que sou doida por acreditar sempre no ser humano, que devo me preservar...
mas prefiro correr o risco, as vezes a gente se quebra , mas as vezes encontramos as pessoas certas que nos ajudam a colar todos os cacos.
Tudo vale a pena se a alma não é pequena...

...cada escolha é um dilema...

Não julgar



Lição do dia : Não julgar
Existem pessoas maravilhosas que nem cogitamos em conhece-las , rotulamos e colocamos na prateleira de nossos conceitos.
Parecemos tão confiantes, sabendo distinguir tudo e todos, mas o mundo é tão misturado, precisamos perder o medo de conhecer as pessoas, perder essa mania de colocar um rotulo baseado em conceitos muitas vezes ultrapassados e sem sentido.
Nós somos seres perversos e estamos aqui para burilar , para conseguir olhar nos olhos verdes do nosso ego, tão lindo, e parar de alimenta-lo.

 A cada julgamento nos colocamos num pedestal de juizes e deuses, que sabem tudo e estão acima de tudo, que ilusão!
Conceitos devem sempre ser revisitados, mas isso já é outra lição.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

 Em momentos de controvérsia, a primeira coisa que fazemos é procurar um culpado.
 Se existe uma situação é porque eu permiti,e na verdade tenho esse jeito louco de dizer não de repente, podem ser anos de comportamento passivo, um dia acordo e digo, não quero mais isso, quero ser feliz. Sei que as pessoas surtam, pois eu tolerava tudo passivamente e agora do "nada", mudo de atitude.
 Ninguém na verdade pode nos fazer um mal que nós mesmos não tenhamos primeiramente permitido. Se sentir vítima não leva a lugar algum.. Erguer a cabeça e assumir os conflitos, arcando com a responsabilidade das minhas escolhas e seguir adiante com fé.

Desejos

Desejamos tanto, o tempo todo,, tão ocupados com novos desejos, grandes desejos.
Não nos damos conta que em nosso dia a dia antigos desejos se concretizam, esquecemos o que lá atras pedimos e alcançamos.
 Em nossas vidas diariamente acontecem pequenos milagres, quando a ansiedade sai de cena, tudo flui mais rápido.

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Ganhei de um amigo que reencontrei agora, o Fábio Guibu, obrigada veio na hora certa.


Canção da tarde no campo
Caminho no campo verde,
estrada depois de estrada.
Cerca de flores, palmeiras,
serra azul, água calada.
Eu ando sozinha no meio do vale.
Mas a tarde é minha.
Meus pés vão pisando a terra,
que é a imagem da minha vida:
tão vazia, mas tão bela,
tão certa, mas tão perdida.
Eu ando sozinha por cima das pedras.
Mas a tarde é minha.
Os meus passos no caminho
são como os passos da lua.
Vou chegando, vai fugindo.
Minha alma é a sombra da tua.
Eu ando sozinha por dentro de bosques.
Mas a fonte é minha.
De tanto olhar para longe,
não vejo o que passa perto.
Meu peito é puro deserto.
Subo monte, desço monte.
Eu ando sozinha ao longo da noite.
Mas a estrela é minha.

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

O Aquiles falou que essa frase é a minha cara, concordo!


Apaixonada, saquei minha arma,minha alma
minha calma
VOCE NAO SACOU NADA!

(pixado num muro)

quinta-feira, 29 de setembro de 2011






Ganhei esse selinho da Barbara  do  blog http://achoqueissoeamor.blogspot.com/, amei!!!!
                Repassando para :
                
                Ana Martins - http://pequenasepifaniaseoutrosdevaneios.blogspot.com
                Aquiles Marchel - http://pensandomaleudisse.blogspot.com/
                Leni - http://penachioarte.blogspot.com/
                Tarcila Santana - http://gritaminhaalma.blogspot.com/
                Clarice Abreu - http://sotenhofragilidades.blogspot.com/
                Amne - http://amnenoteatrodepalavras.blogspot.com/
                
               

Claridade

Estou vendo tudo tão claro, como se alguém limpasse todas minha janelas e a luz entrasse forte, iluminando tudo, todas as coisas, todos os pensamentos. Mas ao mesmo tempo isso me deixa sem chão, parece que estou num mundo paralelo, enxergando a mim mesma como se visse outra pessoa, e de repente entendesse tudo. Isso me assusta um pouco, mas sou tão corajosa, a vida toda agi assim, pela coragem, pelo ímpeto de ser autentica, errando umas vezes acertando outras, então, venço esse medo e aproveito esse momento de muita lucidez.
Você é...

Você é os brinquedos que brincou, as gírias que usava, você é os nervos a flor da pele no vestibular, os segredos que guardou, você é sua praia preferida, Garopaba, Maresias, Ipanema, você é o renascido depois do acidente que escapou, aquele amor atordoado que viveu, a conversa séria que teve um dia com seu pai, você é o que você lembra.

Você é a saudade que sente da sua mãe, o sonho desfeito quase no altar, a infância que você recorda, a dor de não ter dado certo, de não ter falado na hora, você é aquilo que foi amputado no passado, a emoção de um trecho de livro, a cena de rua que lhe arrancou lágrimas, você é o que você chora.

Você é o abraço inesperado, a força dada para o amigo que precisa, você é o pelo do braço que eriça, a sensibilidade que grita, o carinho que permuta, você é as palavras ditas para ajudar, os gritos destrancados da garganta, os pedaços que junta, você é o orgasmo, a gargalhada, o beijo, você é o que você desnuda.

Você é a raiva de não ter alcançado, a impotência de não conseguir mudar, você é o desprezo pelo o que os outros mentem, o desapontamento com o governo, o ódio que tudo isso dá, você é aquele que rema, que cansado não desiste, você é a indignação com o lixo jogado do carro, a ardência da revolta, você é o que você queima.

Você é aquilo que reinvidica, o que consegue gerar através da sua verdade e da sua luta, você é os direitos que tem, os deveres que se obriga, você é a estrada por onde corre atrás, serpenteia, atalha, busca, você é o que você pleiteia.

Você não é só o que come e o que veste. Você é o que você requer, recruta, rabisca, traga, goza e lê. Você é o que ninguém vê.

(Martha Medeiros)

Sentir...novamente, isso assusta!

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Mais um texto do meu amigo Aquiles!


Não há nada melhor para auto -estima do que um "chega pra cá que eu to te querendo"

  Naquele dia eu não queria dizer nada não, eu li muito e sei encaixar cada palavra perfeitamente.Modéstia a parte timidez não faz parte de mim, eu podia mostrar o quanto a amo com uma bela frase, um beijo rápido na boca e seria bonito, seria perfeitinho.
  Mas não, eu preferi pegá-la pela cintura e fazer uma piada sacana, fazê-la rir.As vezes sinto meu romantismo pesando nas mulheres, as vezes o romantismo me pesa.Como é bom chegar e ser criança, falar bobagem e ver ela segurando o riso, tentando parecer madura e aquela mão na boca de repente mostrando uma estrondosa gargalhada.
  Não há nada melhor para auto -estima do que um "chega pra cá que eu to te querendo" bem gostoso. Um homem que realmente deseja uma mulher tem que saber dosar essas coisas, um passeio, mãos dadas e um "você é a mulher mais gostosa da cidade" no ouvido; muitas noites maravilhosas começaram com frases assim. Faz bem também ao ego do homem fazer uma mulher sorrir. Não precisa ser papo cabeça mas também não pode ser uma coisa de superfície, de certa forma as melhores massagens em meu ego é um sorriso bem largo de uma moça depois de uma piada, fora que riso é passaporte para ir mais fundo no coração, é como uma chamada: "continua que eu estou gostando".
  Se tem uma coisa que eu não entendo é homem que tem uma mulher que o ama e consegue sair sem ela no fim de semana, quantas mulheres vejo reclamando por aí. Ontem mesmo, domingo chuvoso em São Paulo e eu só pensava em estar perto da moça que desejo, querendo mil coisas, criando mil cenas, e enquanto isso garotas no meu MSN ávidas por atenção por que seus "doces amados" estavam jogando vídeo game..MEU DEUS!.
  Se tenho, eu olho, eu ligo, sinto o valor e o calor, vejo bem de perto a cor dos olhos, e se amo vou distinguir todos os tipos de castanho, se seguro a cintura é pra não soltar, se tirar a roupa eu me perco em cada curva, em cada defeitinho que ela jura que tem, e que eu particularmente nunca vejo. O maior elogio é ser amado, ser desejado, e ser desejado não é um discurso amoroso longo (nem sempre).
Eu vou até o fim, e se posso dentro do meus limites de homem faço ela se sentir A MULHER, se posso , se quero.
  SOFRO DE INVEJA PROFUNDA! Isso mesmo...cruzo caminho de  mulheres que tiveram casos de amor com completos idiotas e eles tiveram tudo delas e  já não me deixam sugar dali algum amor, ou algo que seja, a impressão é que desperto atração mas não paixão, e espero que isso tenha mudado recentemente. Eu vejo esses caras de nível de cultura médio, conversa mole e penso sobre a falta de regras do círculo do desejo, elas adoram homens comuns, não que eu não seja comum, longe disso, mas acho que são atraídas por homenzinhos de conversa comum, sem peso nas costas, sem grandes dúvidas e isso até é bom por que quem quer um cara que tem dias de carência dos bravos? Mas não vejo parceria nesses homens, eles não sabem o que é atender uma mulher chorosa as três da manhã e se sentir feliz por ela estar contando entre tantas pessoas no mundo com você. Hum...talvez eu seja um cara estranho, ou devo me julgar especial e injustiçado? Fato mesmo é que creio que pouquissimas mulheres me amaram...ou nenhuma.
  Sou um parceiro razoável, até atencioso, adoro fazer rir, adoro um sexo bem pegado. Sempre ouvi: "AH VOCÊ ME FAZ SENTIR MULHER SABIA?." Eu nunca soube bem o que significa mas é um sentimento passageiro, acho que eu sou um homem enjoativo, alimento ego delas fácil, mas deve ser insuportável ficar ao meu lado muito tempo ou sei lá...talvez as mulheres queiram mesmo apenas ter do que reclamar em um domingo chuvoso...ou eu esteja apenas tendo uma daquelas crises de sinceridade que me dão quando fico carente e  homem carente ninguém merece, ainda mais os que demonstram. Mas bem sou o que sou né..ou sei lá porque o texto parou nesse ponto era para ser outra coisa mas me deu uma vontadezinha de falar bobagem.

domingo, 25 de setembro de 2011



O que eu quero para minha vida????
O mesmo que você, amor, respeito carinho, consideração, lealdade, presença..
Então, pense bem antes de me dar coisas que nem você quer!!!

domingo, 18 de setembro de 2011

Reality's a matter of a clarity of mind

IF YOU...

Estou indo embora.... como queria ficar...ver você correndo em minha direção, pedindo para ficar, dizendo que tudo ficaria bem, que vale a pena todos os empecilhos, que sem mim nada tem sentido. Mas enfim estou indo embora levando um resto de lembranças, de conversas, de risos, de beijos, filmes e músicas, algumas saudades...o passado é irreversível... desejo a nossa felicidade.
O meu romantismo, o meu amor me cegou um tempo, um bom tempo, nele eu via possibilidades, enxergava vitórias, superações...Não vi que eu posso superar e vencer, mas tenho que aceitar que você não pode, que um amor unilateral só planta flores de um lado do jardim, e vejo o seu jardim sem flores para mim. Colho minhas flores, enfeito minha casa, minha alma e sigo, porque amar sempre vale a pena, se aproveitarmos integralmente o que foi vivido.

Foo Fighters - Best Of You

Audioslave - Like A Stone

Só é possível vivenciar o amor, quando nos amamos intensamente!
...sempre que o mundo bater á sua porta e chamar você,saia! Saia sem medo - não há nada a perder só a ganhar. Mas não se perca, as vezes volte para casa, , as vezes deixe o mundo de lado... O exterior e o interior precisam ter o mesmo peso ..."
                                                          Osho

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Trabalhando muitoooooooooooooooooooooooooooo, fim de semana atualizo meu querido blog!

domingo, 11 de setembro de 2011

Que você venha prá modificar...

Tempo, tempo, tempo...



Tempo, tempo, tempo...velho, perdido, a gente sempre querendo tempo, perdendo tempo, aproveitando o tempo, dando um tempo, é melhor fazer assim como na musica, deixa ele correr macio!

Uma escritora jovem e talentosa , Tarcila Santana.


‎"Acordamos tão empolgados, esbanjando ‘’bom dia’’ e logo vem algo encarregado de nos entristecer. E você, demasiado humano se deixou cortar o desejo pelo domingo de festa; Faz-nos respirar fundo e soltar um baixinho “ah... vida real...”; um pensamento de “Acorda! Na pratica a matemática não é tão exata”. Daí se vai os sonhos, anseios, desejos e o que era prioridade, agora, toma um lugar antes desconhecido. A resposta vira pergunta que nem Freud explica. Chegamos à conclusão de que não se pode amar ao próximo sem antes amar a si mesmo – posteriormente não havendo entendimento, me torno uma pessoa egoísta em matéria, já que sempre amei demais, agora vejo amando-me para poder amar o outro, e depois de me amar, não sobra pra ninguém. E tudo vira essa eternada roda relativa. E tudo, exatamente TUDO, vai bem mais além do ponto que achamos ser final."
                                                             (Tarcila Santana)

Reflexões de domingo!

Uma sensação estranha toma conta de mim, como é possível amar uma pessoa e ao mesmo tempo saber que do jeito que as coisas estão não é possível ficar junto? Sempre fui teimosa demais, e insistia que apesar de tudo e com tudo as pessoas tinham que ficar ali, juntas, mas agora pensando melhor, coisas da idade, é melhor guardar a admiração que eu tenho, antes que tudo se transforme em uma total decepção.
Tudo isso ainda dói, pois andei minha vida toda,  até meses atrás, pensando que iria passar pela vida sem ter amado realmente alguém, com consciência da realidade, com impossibilidades, alguma coisa diferente daquela teimosia juvenil, em que não sabemos de nada e achamos que sabemos e podemos tudo. Mas a vida me proporcionou vivenciar isso tudo, se parou por aqui, vou aceitar as limitações da realidade e viver melhor ainda, mais feliz.



Estou assim,  como a letra do Renato, 
Assim, querendo muito, misturada, sentimentos e decisões, mas sabendo quem sou, nesse instante, hoje.




Tempo Perdido

Legião Urbana

Todos os dias quando acordo
Não tenho mais
O tempo que passou
Mas tenho muito tempo
Temos todo o tempo do mundo...
Todos os dias
Antes de dormir
Lembro e esqueço
Como foi o dia
Sempre em frente
Não temos tempo a perder...
Nosso suor sagrado
É bem mais belo
Que esse sangue amargo
E tão sério
E Selvagem! Selvagem!
Selvagem!...
Veja o sol
Dessa manhã tão cinza
A tempestade que chega
É da cor dos teus olhos
Castanhos...
Então me abraça forte
E diz mais uma vez
Que já estamos
Distantes de tudo
Temos nosso próprio tempo
Temos nosso próprio tempo
Temos nosso próprio tempo...
Não tenho medo do escuro
Mas deixe as luzes
Acesas agora
O que foi escondido
É o que se escondeu
E o que foi prometido
Ninguém prometeu
Nem foi tempo perdido
Somos tão jovens...

sábado, 10 de setembro de 2011

terça-feira, 6 de setembro de 2011


Especialmente para a Ana e para o Aquiles!!!


Todo sonho é feito de estilhaços
Do que o olho crê
Que a imagem
Faz no espaço,
E o tempo encontra
No ar que passa
Invisível,
Peso e cor
Todo encontro é o jeito do acaso
Achar no sonho
Uma miragem
Onde o oásis
Água inventa
O mar do nada é
Impossível

Erro e dor
E o que estava longe está aqui
dentro e tão perto
De um jeito tão certo que só cabe mesmo em mim

Beijo e abraço
No tempo que passa
Lento e à jato
No gesto que toca
A gente na alma
No modo, dois jeitos
Mas diferentes
É que somos
Iguais
Livros lidos
Discos preferidos
Filmes vistos
Sempre
Um

Sinal
Indo e vindo
vivo ouvindo
O instinto
Mesmo quando
Eu não entendo nada
Eu não entendo nada
E eu não entendo nada
Só o que diz
O lábio no beijo
No sopro
A paixão

sábado, 3 de setembro de 2011

Estava conversando com meu amigo Aquiles Marchel e disparei essa frase, estava inspirada
...é muito dificil encontrar afinidades, quimica, intimidade em uma só pessoa, e qdo a gente encontra é um crime emocional deixar de viver isso tudo!
 Um lindo final de semana a todos!

Hoje estou bem assim, dias....tem cara de vida inteira...não sei se é do vinho ou da vida...procurando por vc, procurando por mim...

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

...

Hoje depois de um tempo vi a pessoa que amo, passei por ela, levei um susto, disse um oi corrido e fui fugida. Fugi, sim por amor próprio, fugi sim, por medo de ouvir sua voz, de sentir seu beijo de amigo em meu rosto. Estou tão consciente de mim e do que quero, mesmo amando assim, sei que tenho que saber me distinguir nisso tudo. Passei um tempo misturada, não sabia aonde acabava ele e começava o meu eu, de tanto amar me perdi nele. Ainda amo, mas me encontrei e sei que preciso de mim antes dele, posso de novo me embaralhar nesse amor, mas sei como voltar para mim mesma.  Tantas impossibilidades, tantos poréns e ainda assim não consigo entender isso tudo, mas cada variante desses momentos, que foram muitos, valeram a pena, cada  segundo bom  ou ruim foram bons. Guardo em mim o amor que sinto dele, por incrível que possa parecer sinto ser amada, por mais bizarro, por mais inadequado ainda amo mas estou tranquila.

Para Luiz Fernando, Ana Martins, Silvio e Aquiles Marchel.

Estou aqui pensando, após algumas conversas de agora a pouco... muito lindas as pessoas que foram tão amigas, quem disse que o mundo virtual é só ilusão??? Meus amigos virtuais e reais, amo muito vocês, hoje precisei de muito e obtive muito de todos. Palavras de carinho, de amor, de incentivo, cada um, foi meu anjo hoje, e agradeço a Deus o dom de identificar tudo isso e aplicar em minha vida, cada conselho, cada palavra, cada carinho. Seria injusto de minha parte dizer que estou só, tenho tanto amor, pessoas que se importam realmente comigo, aqui, na Praia Grande, em São Paulo, no Rio de janeiro e em Blumenau, que pessoa de sorte eu sou, obrigada Deus !!!!

domingo, 28 de agosto de 2011

Não me cure de você...parece que tudo leva a isso...

Para minha irmã Isis, meus amigos, Ana e Aquiles.

Para um final feliz nesse domingo e um  inicio de semana glorioso.






Ausências

O que me seduz.é a  presença , esse massacrante dia a dia, que põe a prova o amor, o companheirismo e desenvolve uma intimidade que é afrodisíaca, pelo menos para mim. Descobrir defeitos, manias, ficar irritada, rir deles, isso é um convívio necessário para qualquer relação.
O que acaba com tudo .é a  ausência, a falta de atitude, a arrogância de pensar que sua falta é o que move uma relação. Pelo menos para mim, a ausência deixa um espaço, desencanta,  é criado um vácuo, um nada, e me pergunto, quem está aqui? Aonde está aquela pessoa que me encantou tanto, que me deixou admirada, por seus atos, seus pensamento, seus defeitos suportáveis por mim. Será que ela realmente existiu? Será que querendo muito amar não enxerguei a realidade? Quem realmente eu amei, um ser real ou um reflexo dos meus sonhos? Ainda tenho esperança de me ser revelado que eu não estava idealizando que aquela pessoa existe ou existiu durante um tempo, porque sei que tudo muda constantemente.
A maior dor para mim é ter que tirar alguém que amo da minha vida, de mim, dos meus pensamentos, sei que posso fazer isso, mas dói muito, então fico adiando, procurando subterfúgios e desculpas. Mas apesar da dor, tem coisas que simplesmente acontecem, e pronto, se há ausência então o sentimento só existe de um lado, então, vamos lá digerir tudo e transformar em aprendizado.

sexta-feira, 26 de agosto de 2011


NEM TUDO É FÁCIL

É difícil fazer alguém feliz,
assim como é fácil fazer triste.
É difícil dizer eu te amo,
assim como é fácil não dizer nada.
É difícil ser fiel,
assim como é fácil se aventurar.
É difícil valorizar um amor,
assim como é fácil perdê-lo para sempre.
É difícil agradecer por hoje,
assim como é fácil viver mais um dia.
É difícil abrir os olhos e enxergar o que de bom a vida te deu,
assim como é fácil fechar os olhos e atravessar a rua.
É difícil se convencer de que se é feliz,
assim como é fácil achar que sempre falta algo.

É difícil fazer alguém sorrir,
assim como é fácil fazer chorar.
É difícil se pôr no lugar de alguém,
assim como é fácil olhar para o próprio umbigo.
É difícil ver o trem partindo,
assim como é fácil pedir para ficar quem quer te levar.
Se você errou, peça desculpas!
É difícil pedir perdão?
Mas quem disse que é fácil ser perdoado?
Se alguém errou com você, perdoa-o!
É difícil perdoar?
Mas quem disse que é fácil se arrepender?

Se você sente algo, diga!
É difícil se abrir?
Mas quem disse que é fácil
encontrar alguém que queira escutar?
Se alguém reclama de você, ouça!
É difícil ouvir certas coisas?
Mas quem disse que é fácil ouvir você?
Se alguém te ama, ame-o!
É difícil se entregar?
Mas quem disse que é fácil ser feliz?

Nem tudo é fácil na vida,
mas com certeza nada é impossível!
Precisamos acreditar, ter fé
e lutar para que não apenas sonhemos,
mas também tornemos
sonhos em realidade!
(autor anônimo)


Obrigada Ana pelo carinho!

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Filosofia de hoje, quase amanhã...


Estou bem, sim
Mas sinto sua falta, sim.
Sentindo saudades...
Das viagens que não fizemos,
Dos amigos que não partilhamos, 
De um mundo que não existiu,
Só em meus devaneios.
Mas, é o que se tem, 
pelo menos para hoje
Mas vou vivendo, assim.

segunda-feira, 22 de agosto de 2011



Pra que levar a vida tão a sério se ela é uma incansável batalha da qual jamais sairemos vivos ?!?!??!?
Bob Marley

Portanto:

Dance, Beije, Relaxe

Divirta-se
E seja feliz!!!!

Cada sessenta segundos que você passa mal-humorado, angustiado ou mal, é um minuto de alegria que não voltará.

A mensagem hoje é:

A vida é curta, quebre as regras, perdoe rapidamente, beije suavemente, ame de verdade, ria sem controle, e nunca se arrependa de algo que lhe fez sorrir...

Boa semana!

domingo, 21 de agosto de 2011


Selinho.




Ganhei este selinho da Ana Martins  do Blog http://pequenasepifaniaseoutrosdevaneios.blogspot.com/
Obrigada Ana pelo seu carinho

Regras
Escrever cinco coisas que te tiram do tédio:

Meu Neto Pedro
Amigos e família.
Filmes
Blog
Livros


Repasso para:

Caio, pincelando e assim colorindo as mazelas de quem ama e não é amado.



“Lá está ela, mais uma vez. Não sei, não vou saber, não dá pra entender como ela não se cansa disso. Sabe que tudo acontece como um jogo, se é de azar ou de sorte, não dá pra prever. Ou melhor, até se pode prever, mas ela dispensa. Acredito que essa moça, no fundo gosta dessas coisas. De se apaixonar, de se jogar num rio onde ela não sabe se consegue nadar. Ela não desiste e leva bóias. E se ela se afogar, se recupera. Estranho e que ela já apanhou demais da vida. Essa moça tem relacionamentos estranhos, acho que ela está condicionada a ser uma pessoa substituta. E quem não é? A gente sempre acha que é especial na vida de alguém, mas o que te garante que você não está somente servindo pra tapar buracos, servindo de curativo pras feridas antigas? A moça…ela muito amou, ama, amará, e muito se machuca também. Porque amar também é isso, não? Dar o seu melhor pra curar outra pessoa de todos os golpes, até que ela fique bem e te deixe pra trás, fraco e sangrando. Daí você espera por alguém que venha te curar. Às vezes esse alguém aparece, outras vezes, não. E pra ela? Por quem ela espera? E assim, aos poucos, ela se esquece dos socos, pontapés, golpes baixos que a vida lhe deu, lhe dará. A moça – que não era Capitu, mas também têm olhos de ressaca – levanta e segue em frente. Não por ser forte, e sim pelo contrário… Por saber que é fraca o bastante para não conseguir ter ódio no seu coração, na sua alma, na sua essência. E ama, sabendo que vai chorar muitas vezes ainda. Afinal, foi chorando que ela, você e todos os outros, vieram ao mundo.” 
                                                                                             (Caio Fernando Abreu)
Por Anônimo (esse anonimo é fã de carteirinha do Caio, ainda bem.)
(Então eu pego o passado, e transformo em poesia-ou-coisa-assim.)

                                             Caio Fernando Abreu

E acrescento, vou vivendo cada minuto, absorvendo o presente, e desejando em cada segundo  o melhor para mim, , minha família, tão confusa como toda família que se preza, para as pessoas que amo, para meus queridos amigos Ana Martins e Aquiles Marchel.
É incrível, mas com todas as dificuldades, com tudo que aconteceu, vivo um momento especial, aprendendo a me olhar e gostando disso. Também já tinha passado da hora de me entender, parar de querer conhecer o outro a fundo e me dedicar a esse ser tão complexo que sou.
Vivendo e aprendendo.
Um Anonimo me deixou um comentário com um texto do Caio Fernando Abreu, esse trecho em especial diz muito para mim nesse momento...amei.
...Porque a vida segue. Mas o que foi bonito fica com toda a força. Mesmo que a gente tente apagar com outras coisas bonitas ou leves, certos momentos nem o tempo apaga.
E a gente lembra. E já não dói mais. Mas dá saudade. Uma saudade que faz os olhos brilharem por alguns segundos e um sorriso escapar volta e meia, quando a cabeça insiste em trazer a tona, o que o coração vive tentando deixar pra trás.
(Então eu pego o passado, e transformo em poesia-ou-coisa-assim.)

                                             Caio Fernando Abreu

sábado, 20 de agosto de 2011

mentiras Adriana calcanhoto


Sempre tentando me entrego nas sábias palavras de Osho, na filosofia maravilhosa de Dalai Lama, e acabo postando um vídeo de paixão passional, sou bem humana, graças a Deus.

"Sempre que houver alternativas tenha cuidado. Não opte pelo conveniente, pelo confortavel, pelo respeitável, pelo socialmente aceitável, pelo honroso.
Opte pelo que faz o seu coração vibrar. Opte pelo que gostaria de fazer, apesar de todas as consequências."
Osho

Cidadão Quem - Os Segundos

Como é difícil soltar alguém de dentro de si, prendemos quem amamos dentro de nós, e mesmo quando vai embora, fisicamente, ainda o temos, guardadindo, ali dentro. Como sequestradores, o alimentamos, conversamos com ele, e não soltamos. Mas com o tempo tudo vai ficando tão sem sentido, nem sabemos direito quem está lá dentro, quem é aquela pessoa, parece outra que não conhecemos. Amor, que sentido tem essa palavra, o que é realmente esse sentimento quando se refere a relacionamentos amorosos? Mudamos tanto, as vezes temos reações absurdas, e chamamos isso de  amor, tudo é muito estranho, fazemos coisas por amor, odiamos por amor, praguejamos por amor, nos vingamos por amor...isso realmente não é amor. O ego quer resultados favoráveis, quer respostas, quer ter o controle de tudo e de todos, a grande sacada é saber isso, se conhecer e ver quem está dominando seu ser, seu ego, ou sua essência, alma, como cada um quer denomina-la. O ter é do ego, o dar sem expectativa alguma, sem esperar retorno ou barganha é amor.

domingo, 14 de agosto de 2011

Mais um texto do meu amigo Aquiles, amei!


A vida é doce (?!?)

Todo mundo tem um pouco de medo da vida já disse o poeta mas o que isso quer dizer? Fechar os olhos para todas as manhãs, renegar os prazeres que a existência nos trás?
Claro que é muito mais fácil se trancar num quarto vazio e frio e as vezes necessário mas não é fazer da solidão um bom lugar que nos fará crescer.
Estar só é necessário e bom para vermos de forma fria como pode ser miserável o ser humano, mas ao mesmo tempo pode ser uma armadilha, pois a dor é um vício em que podemos nos perder e não é isso que quero pra ninguém, eu já estive nesse inferno e lá eu me sentia muito mais arrogante e inteligente mas também muito mais vazio.Fui profundo,mas fui raso, e me perdi em mazelas sentimentais que não faziam sentido nem para meus grandes amigos e ao me perder tentando achar quem amo eu a perdi de vez.

A vida é enorme e embora dura e escura as vezes ela é gostosa, eu a sinto e hoje sei que não adianta explodir o mundo se você não vai fazer isso sem machucar os que ama.
Quanta bobagem sentimental, hoje estou assim, estou a fim de ouvir as musicas de Roberto Carlos de me afogar na contradição,não estou a fim de jornal e nem de sangue, hoje acho que quis algo a mais...talvez a famosa paz.

Hoje eu acordei cedo e fiz o café, nada como estar de folga.Hoje eu respirei fundo e por um instante acreditei em algo superior, uma força divina,e também entre uma canção e outra não me importei de não ter amor,como se por um instante eu compreendesse o mundo e aprendesse a esperar(coisa que nunca foi meu forte).
Eu não estou de passagem e por enquanto também não penso em deixar grandes marcas no mundo, mas em alguns indivíduos que me cercam sei que ficou algo, assim como deles há vestígios em mim: de cenas, de poemas de risos soltos, lágrimas e consolos.

Há algo estranho no ar...não sinto que é ruim, mas é estranho.O  tempo lá fora está frio e sinto saudade de não ter comigo esta melancolia,mas não chego a estar tão triste; existe um medo em mim que me faz mais forte, medo de deixar de acreditar que as pessoas tem algo a compartilhar, medo de deixar de ser um sonhador cafona, medo de perder a malicia.

Hoje senti o corpo de uma mulher, outra apenas poderia ser, mas entre todas que toquei quais me deixam generalizar?Todas diferentes, deixando seus rastros, suas cismas e mágoas...e eu acolho.
Agora ao lado de uma amiga escrevo...linda
devo dizer e me vou apegado cada vez mais a esses patéticos seres humanos de que faço parte .

Alerta



A adversidade tem o diferencial de nos ensinar lições muito mais intensas e profundas do que os ditos momentos de alegria. Se você apenas reclamar e se fizer de vítima, todavia, não aprenderá absolutamente nada!
 Agimos como crianças mimadas e não confiamos nem nos nossos esforços e nem no poder Divino, e em que tudo no Universo se organiza . Queremos aqui e agora,  e nos sentimos tristes, injustiçados, vitimas de tudo e de todos, o ego muitas vezes se disfarça de amor, de bondade, de passividade, enganando a nós mesmos.
 Devemos prestar muita atenção em nós , quem realmente somos, amamos realmente?  Ou estamos sempre presos nas armadilhas do nosso ego?

sábado, 13 de agosto de 2011

ACORDANDO PARA A VIDA



Acordando para a vida...tantos anos para aprender algumas coisas que são tão simples;
-Que você, eu, e o resto da humanidade somos iguais, ninguém está acima ou abaixo do outro, passei muito tempo me  sentindo tão pequena, e na verdade não sou nem pequena, nem grande, sou eu, ao mesmo tempo unica e igual.
- Que a minha religião é a da igualdade, é enxergar o ser humano sem rótulos e sem preconceitos e trata-lo como eu gosto de ser tratada, acredito em Deus acima de tudo, mas sem os dogmas e sem tantas  regras que tentam enquadrar e segregar, acredito que devemos mostrar o bom, e abolir o mal. O amor e a espiritualidade unem as pessoas, o exagero das convicções acabam separando .
-Que não precisamos sofrer tanto, se considerarmos que o passado não existe mais e que só o momento presente, é que existe, e nesse exato momento estou bem, e o futuro ainda não chegou, mas se estou bem agora o futuro pode ser brilhante.
-Que baseado nesse item anterior, a expectativa arrebenta com a gente, ficar esperando resultados embasados no passado e com projeções no futuro, a espera dos resultados que as vezes não acontecem como queríamos.. O melhor, pelo menos para mim agora, é desejar , ter a intenção , trabalhar e deixa que o universo se encarregue do resto.
Bom, aprendi muito mais, mas esses são aprendizados meus, de tudo que sofri, tirei algumas conclusões,  pode não ser uma verdade absoluta, mas deixa a minha vida mais suave, mais leve, e tirando o lixo dos pensamentos opressivos e negativos, e me livrando de tantas expectativas( isso é o mais difícil) me sobra mais tempo para ser feliz, apreciando cada instante dessa minha existência.
Um lindo final de semana a todos meus seguidores e quem vier me visitar, bjssssssssssss

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Para minha amiga Ana...

"Não entendo, apenas sinto. Tenho medo de um dia entender e deixar de sentir."

                                                Clarice Lispector

 
Hoje busquei inspiração no blog da minha amiga, Ana, http://pequenasepifaniaseoutrosdevaneios.blogspot.com/ ,
e encontrei, a Ana tem uma capacidade de encontrar as frases mais perfeitas, os textos mais adequados, e através de sua sensibilidade, acaba sintonizando com cada um de nós, com nossas angustias, carências, amor e desamor, com nossos medos.  Ela tem o dom de achar a palavra certa para nossa alma, obrigada.
Que seus desejos mais secretos e impossíveis(?) se tornem realidade!

sábado, 6 de agosto de 2011

Divagações concretas

Saibam, descobri que não estou me sentindo um mosaico abstrato, sou um. Sou múltipla, antagônica, triste por pequenos espaços de tempo, feliz com a vida. Vagueio pelas letras e as músicas, me vejo em letras do Nando, vejo um pouco da minha  realidade nas musicas do Humberto, e por ai vai, tantas letras e canções  lindas, com um pouco de todos nós. Na verdade somos únicos e parecidos, uma unidade de corpo mas com ligações tão misteriosas que a ciência e as religiões tentam desvendar. Somos um e todos, basta ver um show de um cantor e olhar nas fisionomias das pessoas, se identificando com a musica. Tantas coisas em comum e tantas separações, tantas divagações, crenças, convicções... Hoje, creio nesse exato minuto, e agradeço imensamente a Deus por estar exatamente aqui, por tudo de bom e pela capacidade que Ele me deu de superar o que não foi tão bom.
Bom agora, vou para o meu futuro, sair e estar gente que amo muito, que fazem esses meus minutos valerem a pena.
Um beijo para meus seguidores e visitantes, tenham um lindo final de semana!

Mensagens Para Orkut - MensagensMagicas.com
stars

Hoje estou assim...um mosaico abstrato.


Mosaico Abstrato
                                           Nando Reis


Todo sonho é feito de estilhaços
Do que o olho crê
Que a imagem
Faz no espaço,
E o tempo encontra
No ar que passa
Invisível,
Peso e cor
Todo encontro é o jeito do acaso
Achar no sonho
Uma miragem
Onde o oásis
Água inventa
O mar do nada é
Impossível
Erro e dor
E o que estava longe está aqui
dentro e tão perto
De um jeito tão certo que só cabe mesmo em mim
Beijo e abraço
No tempo que passa
Lento e à jato
No gesto que toca
A gente na alma
No modo, dois jeitos
Mas diferentes
É que somos
Iguais
Livros lidos
Discos preferidos
Filmes vistos
Sempre
Um
Sinal
Indo e vindo
vivo ouvindo
O instinto
Mesmo quando
Eu não entendo nada
Eu não entendo nada
E eu não entendo nada
Só o que diz
O lábio no beijo
No sopro
A paixão