Loading...

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Sorriso de criança tem o poder de curar as dores da alma...

É verdadeiro vem da alma livre de tudo que nos corrompe ..
É uma luz quando tudo fica escuro...
É música ... alegrando nossas vidas...
É felicidade transmitida em sons cristalinos...
É  benção divina para nos mostrar como é a felicidade.
É amor.

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Lindo texto de Paulo Cesar Magdalena



Lindo texto de Paulo Cesar Magdalena, amei, me vi em suas palavras e não resisti...postei...

por aí..
"eu não odeio nada, mas tambem não amo tudo..
escrevo mais do que falo,mas tambem não sou mudo
escuto menos do que deveria,porem meus olhos sempre são curiosos
costumo viver mais o dia de ontem e tenho um pouco de medo do amanhã
nem sempre acordar é uma benção ,nem sempre a noite traz paz e nunca minha alma se sacia
as vezes me distancio de todos, outras me aproximo mais de alguns
minhas lagrimas servem tanto para alegria como para tristeza
considero a morte a coisa mais estupida que existe
considero a vida muito fragil..
eu as vezes odeio tudo e não amo nada
as vezes amo por tudo...ou por nada
pccmagdalena

terça-feira, 10 de setembro de 2013



Aprendi que o sentimento do amor não é mais nem menos forte conforme as idades, o amor é uma possibilidade de uma vida inteira, e se acontece, há que recebê-lo. Normalmente, quem tem idéias que não vão neste sentido, e que tendem a menosprezar o amor como fator de realização total e pessoal, são aqueles que não tiveram o privilégio de vivê-lo, aqueles a quem não aconteceu esse mistério."



(JOSÉ SARAMAGO: in As Palavras de Saramago pg 35)

Certezas



Certezas...todos os dias postamos nossas neuroses, nossas dores, nosso desejo de sermos importante para alguém, de encontrarmos a nós mesmos, de sermos felizes sempre, seguros do que virá.
Queremos ter certezas ,mas em uma fração de segundo, passa um vento forte e muda tudo, alguns sonhos acabam, pessoas que admirávamos e respeitávamos mostram-se como realmente são e ai nossas frágeis certezas vão com o vento. 
Tudo acontece para mostrar uma unica e admirável verdade, não há certeza alguma nesse mundo, tudo é cíclico, tudo muda o tempo todo. 
A incerteza nos leva para o campo de todas as possibilidades, nele encontramos as oportunidades .
"(...) concluindo, seria preciso decretar, urgentemente, que o preconceito é doença, a infelicidade é proibida, e a burrice é crime inafiançável, amém."

(Lya Luft)

Máscaras

As pessoas continuam me surpreendendo, se mostram de uma maneira para nem sei o que, porque uma hora a mascara cai.
Mas no balanço geral isso é bom, porque significa que eu ainda acredito no ser humano, seria muito triste se eu perdesse a fé nas pessoas. 
Cada vez que conheço alguém, ouço suas historias de vida, ainda estou acreditando na possibilidade da sinceridade. Me baseio em minha conduta e acredito sempre em suas histórias, que necessidade paranoica uma pessoa tem em fingir  , talvez ela se ache tão ruim que cria personagens e vai pela vida afora representando seus papeis.
Um tempo atrás essas descobertas me deixavam triste e perplexas, mas agora fico penalizada, imagino uma pessoa passar uma vida inteira mascarando sua personalidade sem saber quem realmente é, ou se achar a mais esperta das pessoas.

Manipulações...

Não gosto do termo "usar as pessoas", mas as vezes tenho que dar o braço a torcer e ver que realmente existem pessoas que usam esse artifício para conseguirem o que querem.
Mas penso que temos uma parcela de responsabilidade nisso tudo, deixamos as pessoas fazerem isso e inventamos mil desculpas para o comportamento delas. 
Então concluindo as pessoas nos usam porque deixamos que isso aconteça.
Mas essas pessoas deviam investir nisso e se tornarem políticos, pois não existe profissão mais adequada para exercer esse "dom".

domingo, 8 de setembro de 2013

Quando o coração parece que vai explodir de tristeza, escrevo...parece que a dor fica um pouco nas letras. 
Dor de relacionamentos passa, sofremos por um tempo,
as vezes mais que o necessário, mas passa e a gente continua e recicla e tenta novamente...
Mas quando o coração se fere com pai, mãe, irmãos,
filhos...a dor é celular, não sentimos raiva, só dói muito, e ficamos falando, tentando de todas as maneiras entender,relevar,...mas a cura é rápida, basta um sorriso, um beijo,uma palavra carinhosa,uma desculpa sincera que o corte se cicatriza e a dor vai embora...E lembro de duas palavras que sempre vem à minha mente em situações difíceis... "tudo passa".



skank - Indignação