Loading...

domingo, 30 de outubro de 2011



Dizem que sou doida por acreditar sempre no ser humano, que devo me preservar...
mas prefiro correr o risco, as vezes a gente se quebra , mas as vezes encontramos as pessoas certas que nos ajudam a colar todos os cacos.
Tudo vale a pena se a alma não é pequena...

...cada escolha é um dilema...

Não julgar



Lição do dia : Não julgar
Existem pessoas maravilhosas que nem cogitamos em conhece-las , rotulamos e colocamos na prateleira de nossos conceitos.
Parecemos tão confiantes, sabendo distinguir tudo e todos, mas o mundo é tão misturado, precisamos perder o medo de conhecer as pessoas, perder essa mania de colocar um rotulo baseado em conceitos muitas vezes ultrapassados e sem sentido.
Nós somos seres perversos e estamos aqui para burilar , para conseguir olhar nos olhos verdes do nosso ego, tão lindo, e parar de alimenta-lo.

 A cada julgamento nos colocamos num pedestal de juizes e deuses, que sabem tudo e estão acima de tudo, que ilusão!
Conceitos devem sempre ser revisitados, mas isso já é outra lição.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

 Em momentos de controvérsia, a primeira coisa que fazemos é procurar um culpado.
 Se existe uma situação é porque eu permiti,e na verdade tenho esse jeito louco de dizer não de repente, podem ser anos de comportamento passivo, um dia acordo e digo, não quero mais isso, quero ser feliz. Sei que as pessoas surtam, pois eu tolerava tudo passivamente e agora do "nada", mudo de atitude.
 Ninguém na verdade pode nos fazer um mal que nós mesmos não tenhamos primeiramente permitido. Se sentir vítima não leva a lugar algum.. Erguer a cabeça e assumir os conflitos, arcando com a responsabilidade das minhas escolhas e seguir adiante com fé.

Desejos

Desejamos tanto, o tempo todo,, tão ocupados com novos desejos, grandes desejos.
Não nos damos conta que em nosso dia a dia antigos desejos se concretizam, esquecemos o que lá atras pedimos e alcançamos.
 Em nossas vidas diariamente acontecem pequenos milagres, quando a ansiedade sai de cena, tudo flui mais rápido.

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Ganhei de um amigo que reencontrei agora, o Fábio Guibu, obrigada veio na hora certa.


Canção da tarde no campo
Caminho no campo verde,
estrada depois de estrada.
Cerca de flores, palmeiras,
serra azul, água calada.
Eu ando sozinha no meio do vale.
Mas a tarde é minha.
Meus pés vão pisando a terra,
que é a imagem da minha vida:
tão vazia, mas tão bela,
tão certa, mas tão perdida.
Eu ando sozinha por cima das pedras.
Mas a tarde é minha.
Os meus passos no caminho
são como os passos da lua.
Vou chegando, vai fugindo.
Minha alma é a sombra da tua.
Eu ando sozinha por dentro de bosques.
Mas a fonte é minha.
De tanto olhar para longe,
não vejo o que passa perto.
Meu peito é puro deserto.
Subo monte, desço monte.
Eu ando sozinha ao longo da noite.
Mas a estrela é minha.

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

O Aquiles falou que essa frase é a minha cara, concordo!


Apaixonada, saquei minha arma,minha alma
minha calma
VOCE NAO SACOU NADA!

(pixado num muro)