Loading...

segunda-feira, 16 de julho de 2012

...se...




...se...se...eu pudesse deitar ao lado de quem amo, sem realidade, sem esse mundo, libertos das máscaras que usamos para viver...se...se isso fosse possível, mas se esse amor for só meu, se isso for verdade, se esse amor não vê isso, mas não faz mal, só de sonhar com esse momento, com esse devaneio me faz enxergar minha alma, o quanto amo e que envolve tudo a meu redor.
O "se", não me incomoda nem me entristece, me faz ver que é possível amar e expandir esse amor, transmitindo a todos o amor que não se concretiza pelos "ses" da vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário